Sete candidatos à Presidência se registraram no TSE; prazo termina nesta quarta-feira

img_1235

Sete interessados na Presidência da República registraram a candidatura no TSE, o Tribunal Superior Eleitoral.

O mais rico deles declarou que possui mais de R$ 425 milhões em bens. É o candidato do Partido Novo, João Amoêdo, que fez carreira no mercado financeiro e se registrou como engenheiro. A maior parte dos bens é de aplicações em ações e títulos no mercado.

O segundo candidato mais rico até agora é o candidato do PSL, Jair Bolsonaro, que declarou ter mais de R$ 2, 286 milhões. O candidato do PDT, Ciro Gomes, declarou ter R$ 1,695 milhão em bens. Já o candidato do PSDB, Geraldo Alckmin, declarou ter R$ 1,379 milhão em bens.

O candidato do PSOL, Guilherme Boulos, declarou ter R$ 15 mil referentes a um automóvel e a candidata do PSTU, Vera Lúcia, declarou ter R$ 20 mil referente a um terreno. O único que declarou não ter nenhum bem foi o candidato do patriotas, Cabo Daciolo.

O prazo final de registro das candidaturas para a eleição geral de 2018 termina nesta quarta-feira.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s