Chuva alaga ruas e moradores de Porto Velho usam barco para resgatar passageiros em ônibus

Por: G1 RO

A chuva intensa na manhã desta quarta-feira (9) causou transtornos para quem teve que acordar cedo e enfrentar o trânsito em avenidas e ruas de Porto Velho. Em alguns locais, trechos ficaram alagados e moradores usaram barco para resgatar passageiros de um ônibus.

Na região leste da capital, avenidas de tráfego intenso, como a Amazonas, Pinheiro Machado e José Vieira Caúla ficaram inundadas e motoristas tiveram dificuldades para driblar o acúmulo de água nas vias.

Em um vídeo gravado por uma moradora da capital é possível ver que o alagamento das ruas interfere diretamente no trânsito. Motoristas tiveram que desviar dos alagamentos, além de redobrarem a atenção, devido a visibilidade ter ficado comprometida.

Quem não estava resguardado da chuva, como motociclistas e usuários de transporte público, tiveram que se abrigar da chuva em pontos cobertos da cidade. Alguns condutores foram flagrados entrando na contramão para desviar dos pontos mais comprometidos.

O Sistema de Proteção da Amazônia (Sipam) ainda contabiliza o volume de água acumulado em Porto Velho.

Na avenida Rio de Janeiro um barco foi usado para retirar passageiros de um ônibus.

Nas redes sociais os moradores da capital postaram imagens de diversos pontos de alagamentos.

——————

Visite as nossas páginas no FacebookTwitterInstagramFlipboard e SoundCloud!

Entre em contato com o Direto da Redação, mande sua notícia com fotos e vídeos, críticas ou elogios pelo WhatsApp: (69) 98108-7293

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.